Desfiles de Carnaval ativaram economia local

O desfile do Carnaval “Agarrá Bossa” de terça-feira foi acompanhado por cerca de 70 mil pessoas.

“A Nazaré alia a tradição e uma manifestação muito importante, como é o Carnaval, com a sua faceta espontânea, brincalhona e de gente que gosta de se divertir, com a atividade económica local”, disse Walter Chicharro, Presidente da Câmara da Nazaré, no final do terceiro desfile do ano.

Para além dos desfiles de domingo, acompanhado por cerca de 80 a 100 mil pessoas, e do desfile desta terça-feira, a Nazaré realizou o desfile noturno, no passado sábado, que foi, igualmente, acompanhado por uma multidão que, no final, terminou a noite de folia nos bares e nas salas de baile da vila.

“A Nazaré tem conseguido colocar uma tradição, que se vive de uma forma muito própria, como um importante ativo político na atratividade de mais pessoas a esta vila, nesta atura do ano, gerando mais-valias para toda a economia do concelho da Nazaré”, declarou, ainda, o autarca.

O Carnaval “Agarrá Bossa” foi organizado pela Câmara Municipal da Nazaré, que contou com o apoio das juntas de freguesia da Nazaré, Famalicão e Valado dos Frades no desfile do Carnaval da Criança, em que também contou com a colaboração da Escola Profissional da Nazaré

Para que o desfile saísse à rua, durante 3 dias, dezenas de pessoas trabalharam diariamente na oficina Bonarte, nos carros e nas fantasias deste Entrudo, que se apresentou sob um lema que é uma expressão local. “Quero agradecer a todos os que trabalharam em prol do carnaval nazareno, pelo carinho, dedicação e forte empenho que manifestaram na realização de um evento que voltou a revelar-se um sucesso para todos, e para a economia do concelho”.

 

zoofirma.ru